Bombeiros interromperam os trabalhos após risco de prédio em chamas desabar
Reprodução: TV Globo - 12/07/2022
Bombeiros interromperam os trabalhos após risco de prédio em chamas desabar

Localizado na região da 25 de março, centro de São Paulo, o prédio de dez andares que pega fogo desde domingo (10) , há mais de 40 horas, abriga pequenas lojas e armazena produtos dos comerciantes. Nesta terça-feira (12), os bombeiros tiveram de deixar o local por conta do risco de desabamento do edifício . A prefeitura informou que 9 imóveis foram interditados por apresentarem riscos de desabamento. 

Segundo o Corpo de Bombeiros, 55 trabalhadores deixaram um local ao ouvir estalos e ruídos no interior do prédio, o que indica um provável desabamento. Além disso, na missão de tentar conter o fogo, os bombeiros encontraram dificuldade em ultrapassar uma faixa entre o quinto andar e o topo da construção, onde se espalham pequenos focos de chamas.

Bombeiros atuando no Centro de São Paulo
Reprodução/ TV Globo - 11.07.2022
Bombeiros atuando no Centro de São Paulo

Com o risco do desabamento do edifício, as vias da região da Rua 25 de Março, que foram liberadas para o comércio na manhã desta terça, voltaram a ser interditadas.

O Metrô fechou o acesso pela Ladeira Porto Geral à estação São Bento, da Linha 1 - Azul a pedido dos bombeiros, que também solicitou que a população evite circular pela região. Ademais, os comerciantes foram orientados a fechar as portas o mais rapidamente possível. 

A CET bloqueou todo o entorno do prédio, que fica na Rua Comendador Abdo Schahin. Seis linhas de ônibus foram deslocadas por conta das interdições.

Pontos interditados

  • Rua Comendador Afonso Kherlakian x Rua Comendador Abdo Schain

  • Rua Niazi Chohfi x R Vinte e Cinco de Março

  • R. da Cantareira X Av. Mercúrio

  • Av. Prestes Maia X R. Carlos Souza de Nazaré

  • Ladeira Porto Geral X R. Boa Vista

  • R. Florência de Abreu X R. Da Constituição

Início do incêndio

Incêndio na região da 25 de Março, Centro Histórico de São Paulo
Reprodução/Twitter - 11.07.2022
Incêndio na região da 25 de Março, Centro Histórico de São Paulo

O incêndio começou às 21h do domingo (10) e alastrou para outros três imóveis na região. As chamas atingiram um galpão com mercadorias, uma loja de artigo para festas e a sede da primeira igreja ortodoxa do país, fundada em 1904. Segundo um padre da comunidade Ortodoxa Antioquina de São Paulo, o teto desabou e mais de 80% do imóvel foi destruído.

Todos os imóveis atingidos pelo fogo estavam vazios no momento do incêndio, incluindo a igreja.

A expectativa era a de que a ação dos bombeiros fosse encerrada ainda nesta terça, no final do dia, mas por volta das 11h30 novos focos de incêndio e o risco de desabamento interromperam os trabalhos.

Com a interrupção, somente uma viatura aérea dos bombeiros está sendo usada para a contenção das chamas. A causa do incêndio ainda é investigada pela Polícia Civil.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários