Encontro contou com cerca de 40 pastores evangélicos
Marcelo Camargo/Agência Brasil - 17.03.2022
Encontro contou com cerca de 40 pastores evangélicos

O presidente  Jair Bolsonaro recebeu cerca de 40 pastores evangélicos na tarde desta segunda-feira no Palácio da Alvorada para tratar sobre a sua participação na Marcha para Jesus. O encontro foi organizado pelo bispo Robson Rodovalho, que foi colega de Bolsonaro na Câmara dos Deputados. O encontro não consta na agenda oficial do presidente.

A Marcha para Jesus é um evento anual, que ocorre em diversas cidades pelo país em diferentes datas, e é organizado conjuntamente por igrejas evangélicas de diversas denominações. O primeiro encontro ocorrerá em 31 de maio, em Curitiba. O presidente recebeu dos representantes dos estados as respectivas datas e demonstrou boa vontade de comparecer.

Também estavam presentes o deputado federal Silas Câmara (Republicanos - AM) e o bispo Alves Ribeiro, presidente do Fórum Evangélico Nacional de Ação Social e Política (Fenasp), que defendeu a indicação de André Mendonça para o Supremo Tribunal Federal (STF).


Leia Também

O presidente saiu do Palácio do Planalto por volta de 16h30, depois de se reunir com Renata Gil, presidente da Associação dos Magistrados Brasileiros. De lá, ele seguiu para o Alvorada. O encontro durou cerca de 1h30 e, além dos convites, também teve um momento de orações e de conversa sobre assuntos variados, incluindo o preço dos combustíveis.

Essa não é a primeira vez que Bolsonaro se reúne com evangélicos no Palácio da Alvorada fora da agenda oficial. A última vez foi em abril, quando recebeu pastores da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil e parlamentares da base do governo para um café da manhã.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários