Colégio suspende aluno por levar melancia inteira e dividir com amigos
Reprodução Google Maps 18/03/2022
Colégio suspende aluno por levar melancia inteira e dividir com amigos

Uma escola da capital paulista, chamada Colégio Fereguetti, causou polêmica após suspender um aluno da 3ª série que levou uma melancia inteira para o intervalo. O objetivo da criança era dividir a fruta com os amigos, mas, segundo a instituição, a ideia causou tumulto durante o intervalo, o que teria justificado a suspensão. A punição teria acontecido na última quarta-feira (16).

No documento enviado aos responsáveis da criança, o colégio afirmou que "o aluno foi suspenso por um dia por trazer uma melancia inteira e compartilhar com muitos alunos no intervalo e sala de aula, gerando tumulto e desordem".

A carta ainda dizia que "essas atitudes são incompatíveis com o ambiente escolar, transgredindo o regimento escolar". 

O iG entrou em contato com o colégio, que preferiu não comentar o caso.

Leia Também

Nesta tarde, a mãe de Henri Fernandes Rodrigues, aluno que levou a melancia para a escola, se manifestou nas redes sociais. Luciene Fernandes explicou que a suspensão não foi dada pelo filho levar melancia para a escola, mas sim pela "baderna" que fizeram com o alimento.

"Esclareço publicamente que meu filho fez apenas uma brincadeira de adolescente, trazendo na mochila escolar uma melancia que foi compartilhada, indevidamente (ainda em tempos de pandemia), com a turma da sala, durante o intervalo de aulas. Elucido que a medida disciplinar aplicada de-veu-se a algazarra com os colegas, compartilhando colher e, por último, jogando os restos da fruta na própria cabeça, vasos sanitários, pias e demais am-bientes do Colégio. Enquanto mãe, solidarizo-me com as medidas tomadas e reafirmo minha confiança e respeito pe-los 14 anos de história do meu filho no Colégio Fereguetti", disse a mãe.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.



** Felipe Freitas é jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo. No iG, escreve para as editorias Último Segundo e Saúde.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários