Segundo a Polícia Civil, a causa da morte de ambos foi afogamento.
Divulgação
Segundo a Polícia Civil, a causa da morte de ambos foi afogamento.

O corpo encontrado por equipes do Corpo de Bombeiros no mar da Praia de São Conrado na última sexta-feira foi identificado como de Damião Silva de Medeiros.

Ele estava desaparecido há quatro dias após pular na água para ajudar uma mulher a tentar salvar dois cães. Damião acompanhava Paola Pereira de Medeiros, de 25 anos, em um passeio na ciclovia da Avenida Niemeyer, no último dia 1º, quando os dois cachorros caíram na água, próximo às pedras do costão. Paola morreu afogada, e seu corpo foi resgatado no mesmo dia do acidente.

Volta às aulas no Rio: 'Precisamos de uma política de segurança e isso cabe ao estado', diz secretário de Educação da cidade

Segundo a Polícia Civil, a causa da morte de ambos foi afogamento.

Leia Também

 Reprodução

Testemunhas afirmam que ela pulou primeiro no mar para salvar os cachorros. Damião teria caído tentando ajudá-la. Em seu perfil no Instagram, Paola não escondia o amor pelos animais e chegou a criar um destaque com fotos dos cães, que chamava de "filhos".

Paola se descrevia como uma pessoa “apaixonada pela família e que gostava das coisas boas da vida". Em imagens feitas logo depois do resgate, os cães aparecem com as patas enfaixadas e molhados pela água do mar no quartel de Copacabana. A família de Paola buscou os dois.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários