Padre Julio Lancelotti
Reprodução Twitter @pejulio
Padre Julio Lancelotti

Criticado pela deputada estadual Janaina Paschoal (PSL) por distribuir alimentos a usuários de droga, o Padre Júlio lancelotti rebateu a parlamentar com um questionamento: "É um marmitex que faz Cracolândia durar 25 anos?", disse, em entrevista ao UOL .

"Todos os governadores e prefeitos já anunciaram solenemente: a Cracolândia acabou, e não acabou. Por quê? É por causa do marmitex, que faz a Cracolândia durar 25 anos, é o que garante o lucro dos traficantes? É o que garante a permanência de milhares de pessoas?"

No último domingo,  a parlamentar disse que "a distribuição de alimentos na Cracolândia só ajuda o crime". "As pessoas que moram e trabalham naquela região já não aguentam mais. O Padre e os voluntários ajudariam se convencessem seus assistidos a se tratarem e irem para os abrigos", disse.

O padre contestou o ataque e afirmou que proporcionar alimentação para os usuários contribui para que eles se mantenham vivos e consigam se recuperar do vício.

"Quando a pessoa está mais alimentada, ela tem até mais intolerância à droga. Determinados alimentos, temos estudado isso, causam uma aversão ao uso de drogas. Não é uma alimentação pela alimentação, é uma alimentação para que elas fiquem vivas, para que elas possam mudar a forma de viver", afirmou.

Segundo Lancelotti, o problema da Cracolândia está relacionado a questões estruturais, políticas e econômicas e que não cabe a ele resolver a questão do tráfico na região.

"Não sou eu que vou fazer investigação do tráfico, não sou eu que tenho que combater traficantes. Para isso, existem na sociedade, como ela é organizada, instâncias específicas."

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários