Wesley Pessano foi morto dentro de seu Porsche
Reprodução/Instagram
Wesley Pessano foi morto dentro de seu Porsche

RIO — A empresa Ares Consultoria e Investimentos publicou nesta quinta-feira uma nota de pesar pela  morte de Wesley Pessano Santarém, de 19 anos, assassinado a tiros em São Pedro da Aldeia, na Região dos Lagos, na tarde de quarta-feira, quando estava dentro de um Porsche vermelho. O veículo de luxo está registrado no nome da empresa.

"É com enorme pesar que a Ares Consultoria e Investimentos vem por meio desta nota oficial comunicar o falecimento do seu principal Trader e Sócio Wesley Pessano. Estamos todos muito abalados com o acontecimento e prestamos nossas condolências, principalmente aos familiares e amigos mais próximos. Queremos também acalentar todos os nossos clientes, informando que prosseguiremos com nossas atividades normais, após passar desse momento difícil. Nos ausentamos das mídias e dos meios de comunicação, pelo menos até a despedida de nosso amado sócio e amigo", postou a empresa em rede social.

No Instagram, em uma conta com mais de 124 mil seguidores onde se apresentava como "trader" e falava em "liberdade financeira aos 18", uma coletânea de vídeos com o nome "operações" revelava o estilo do jovem: "Respeita o guri, pô", diz ele em uma postagem na qual afirma ter obtido lucro de R$ 13 mil em um minuto.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários