Vice-governador do Mato Grosso, Otaviano Pivetta
O Globo - Reprodução
Vice-governador do Mato Grosso, Otaviano Pivetta

RIO — O vice-governador do Mato Grosso, Otaviano Pivetta, foi indiciado pela Polícia Civil de Santa Catarina por de lesão corporal leve sob a suspeita de agressão contra a sua mulher, a advogada Viviane Cristina Kawamoto Pivetta. Ele nega o crime. O GLOBO entrou em contato, por e-mail, com a Polícia Civil de SC e com a assessoria de imprensa do governo de MT, mas ainda não obteve posicionamentos por parte dos órgãos.

A agressão teria ocorrido no dia 7 de julho, quando o casal estava na casa de Pivetta em Itapema, no litoral de Santa Catarina. Na ocasião, Viviane acionou a polícia duas vezes: na primeira desligou em falar nada e, na segunda, disse que havia sido agredida pelo marido. Agentes foram à residência e levaram o casal para uma delegacia. As informações são do portal Metrópoles.

Aos policiais, Pivetta negou a agressão e alegou que a mulher havia se machucado ao tentar morder uma de suas mãos. Ele pagou uma fiança de R$ 6,6 mil e deixou a delegacia na madrugada do dia seguinte.

Um laudo do Corpo de Bombeiros de Itapema, divulgado nesta segunda-feira, comprovou a agressão. O documento aponta escoriações e hematomas na testa, nos braços e nas coxas de Viviane.

Nota cita agressão

Há uma semana, Pivetta divulgou uma nora, reproduzida pelo "Metrópoles", dizendo que "o boletim de ocorrência registrado não condiz com o que realmente ocorreu" e que o episódio foi um "desentendimento:

Você viu?

"O vice-governador Otaviano Pivetta e sua esposa Viviane Kawamoto Pivetta informam que o desentendimento em Itapema, Santa Catarina, no dia 7 de julho, se tratou de uma discussão de casal e o boletim de ocorrência registrado não condiz com o que realmente ocorreu. Otaviano e Viviane têm o mesmo defensor, que já está atuando para arquivar o caso. Por ser uma questão pessoal, o casal informa que o caso diz respeito apenas ao âmbito familiar".

Em redes sociais circula um vídeo postado por Viviane negando a agressão. Segundo a postagem dela no Instagram, ela diz que teve uma discussão com o marido e que o casal está bem. Nesta terça-feira, o perfil da advogada está como conta privada.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários