Caio Torres Valério Oliveira Machado, de 24 anos, participou de cinco roubos no RJ que, segundo a polícia, somam R$ 3 milhões em joias
Reprodução: Metrópoles
Caio Torres Valério Oliveira Machado, de 24 anos, participou de cinco roubos no RJ que, segundo a polícia, somam R$ 3 milhões em joias

Caio Torres Valério Oliveira Machado, de 24 anos, foi preso na noite desta terça-feira, 27. O rapaz é incriminado de um roubo que somam R$ 3 milhões. Além disso, ele também é apontado como líder de uma quadrilha responsável por assaltar joalherias em Petrópolis , no Rio de Janeiro. 

Segundo a polícia, Caio realizou ao menos cinco roubos neste ano. “Ele era o batedor da quadrilha. No último dia 7, foram presos três integrantes do grupo. Eles revelaram que Caio era o responsável por escolher os estabelecimentos. A partir dos cruzamentos de informações conseguimos prendê-lo”, relatou o delegado João Valentin, da 105ª DP (Petrópolis).

No dia 25 de junho, uma joalheria localizada no centro de Petrópolis foi assaltada com prejuízo de aproximadamente R$ 500 mil reais. Durante o roubo, a polícia militar e os bandidos trocaram tiros e uma adolescente foi atingida de raspão por uma bala perdida. 

Rangel Neves da Cunha Prata, o Russo, é acusado de conduzir os veículos utilizados durante o roubo e também seria responsável por levar as joias aos traficantes das comunidades Nova Holanda e Parque União, na zona norte do Rio.

De acordo com a polícia, Russo, que é morador da comunidade Parque União, está foragido. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários