Casal comemorava o aniversário de 22 anos de Anabel quando foram executados
Reprodução/redes sociais
Casal comemorava o aniversário de 22 anos de Anabel quando foram executados

Horas antes de serem executados, Mateo Martínez Armoa, 21, e Anabel Centurion Mancuelo, 22, usaram as redes sociais para fazer declarações de amor um ao outro. O casal paraguaio comemoravam o aniversário dela em um bar da cidade Pedro Juan Caballero, vizinha de Ponta Porã (MS), quando foram abordados e assassinados, com pelo menos 36 tiros, na última segunda-feira, 26 .

No Facebook, Anabel postou uma foto com o namorado e escreveu a legenda: "Meu amor ❤️". Já Mateo, que usava o nome "Matheus Elefante" nas redes, fez um texto mais longo, se declarando. Ele desejou feliz aniversário à namorada e que deus concedesse a eles muitos anos de vida. Veja abaixo.

Publicação de Mateo nas redes sociais
Reprodução/redes sociais
Publicação de Mateo nas redes sociais

Os assassinos do casal deixaram um bilhete preso na cabeça de Mateo , após assassiná-lo, com o recado, em espanhol: "Favor não roubar. Assinado, Justiceiros da Fronteira".

A polícia do Paraguai informa que está investigando se Mateo teve participação em roubos e outros delitos. O jovem tinha antecedentes criminais. Não há informação sobre o possível envolvimento de Anabel em crimes.

- Com informações do G1.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários