Capital de São Paulo terá feriado na próxima sexta, dia 9
Reprodução
Capital de São Paulo terá feriado na próxima sexta, dia 9

A cidade de São Paulo manterá o feriado de 9 de julho, na próxima sexta-feira. A data marca o aniversário da Revolução Constitucionalista de 1932 e não entrou no pacote de cinco feriados adiantados pela prefeitura em março.

Em 18 de março, o então prefeito Bruno Covas (PSDB) anunciou a antecipação dos feriados de Corpus Christi originalmente comemorado em 3 de junho) e Consciência Negra (20 de novembro) do calendário de 2021.

Também foram antecipados os feriados de 2022 de aniversário da cidade (25 de janeiro), Corpus Christi e Consciência Negra do próximo ano.

As antecipações resultaram num recesso de 10 dias na cidade, cujo objetivo era aumentar os índices de isolamento na cidade. Foram divulgadas por Covas quando São Paulo vivia um dos momentos mais dramáticos da pandemia , com 90% de ocupação dos leitos de UTI e cerca de 475 pessoas na fila por uma vaga de terapia intensiva na capital.

A medida desagradou o governador de São Paulo, João Doria  (PSDB) e gerou críticas de prefeitos do litoral paulista, que temiam aumento de turistas em suas cidades.

Segundo dados Sistema de Monitoramento Inteligente (Simi) do governo do estado de São Paulo, o índice de isolamento durante o feriadão prolongado manteve-se na média de 44%, similar ao registrado na semana anterior.

Você viu?

Na cidade, a antecipação valeu apenas para trabalhadores de setores não-essenciais. Os demais devem comemorar os feriados nas datas normais.

Outras 15 cidades paulistas — como Barueri e todo ABC Paulista — também adotaram medidas similares e anteciparam feriados municipais. Portanto, também comemoração na sexta o feriado estadual de 9 de julho.

O feriado comemora o aniversário da Revolução Constitucionalista de 1932, movimento armado que demandava a elaboração de uma nova Assembleia Constituinte durante o Governo Provisório de Getúlio Vargas.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários