Sete moradores de rua morreram na madrugada mais fria de São Paulo desde 2016
Reprodução: ACidade ON
Sete moradores de rua morreram na madrugada mais fria de São Paulo desde 2016

Entre terça e quarta-feira (30) sete moradores de rua morreram na cidade de São Paulo, segundo o Movimento Estadual dos Moradores em Situação de Rua. Quatro dessas mortes aconteceram na madrugada desta quarta, quando os termômetros marcaram 6ºC, registrando a menor temperatura desde 2016

Segundo o movimento, três dos moradores estavam na Praça da Sé, um na Baixada do Glicério, um próximo ao Metrô Tiradentes, na região central da cidade, e dois na Barra Funda, na Zona Oeste.

Ao G1, a Prefeitura de São Paulo afirmou que não há como atestar as mortes citadas, uma vez que quem determina as causas delas é o Serviço de Verificação de Óbitos (SVO), da Universidade de São Paulo (USP), ou o Instituto Médico Legal (IML), do governo do estado.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários