Caso Henry Borel: Babá do menino diz que tem sofrido ataques e que está com medo
Reprodução
Caso Henry Borel: Babá do menino diz que tem sofrido ataques e que está com medo

A babá do menino Henry Borel,  Thayná de Oliveira Ferreira, afirmou ao Fantástico da, TV Globo, por meio de nota, que está com muito medo dos ataques que está sofrendo e que ela não tem responsabilidade nenhuma do ocorrido.

Segundo polícia, em uma conversa por aplicativo, a babá narrou em tempo real para Monique a suposta tortura de Henry por Dr. Jairinho no dia 12 de fevereiro, o que revelaria a rotina de sofrimento e maus-tratos que o garoto vivia.

"Me encontro com muito medo dos ataques que estou sofrendo de pessoas que nem sabem o que ocorreu, uma vez que não tenho responsabilidade nenhuma do ocorrido", afirmou a babá por meio de nota.

Prisão dos acusados 

Na última quinta-feira (8), a mãe Monique Medeiros e Dr. Jairinho foram presos no Rio de Janeiro. Henry, que estava no apartamento da mãe e do padrasto, foi levado por eles ao hospital, onde chegou já sem vida na madrugada de 8 de março.

Você viu?

O casal foi preso por suspeita de homicídio duplamento qualificado, por atrapalhar as investigações e por ameaçar testemunhas para combinar versões.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários