Mulher se recusa a usar máscara em supermercado e tenta agredir policias no DF
Reprodução
Mulher se recusa a usar máscara em supermercado e tenta agredir policias no DF

Na Cidade Ocidental, ao redor do Distrito Federal , uma mulher de 28 anos, foi apreendida por autoridades depois de se recusar a fazer o uso de máscara em um supermercado e por ter mordido um policial militar. Além disso, ela ainda carregava uma faca e tentou acertar os dois PMs responsáveis por apurar a denúncia. As informações foram apuradas pelo Metrópoles.

De acordo com as imagens das câmeras de segurança, foram cerca de dois minutos de uma reação agressiva da mulher após ter recebido a instrução para cumprir as medidas de proteção contra o novo coronavírus . Sua identidade não foi revelada.

Os registros mostram que os policiais pediram várias vezes para que a mulher coloque a máscara enquanto estivesse no supermercado. Porém, ela ignorou todas as recomendações e tentava seguir com o carrinho de compras, até ser impedida por uns dos policiais.

Em seguida, após ter sido bloqueada, a mulher retira uma faca da bolsa. Os policiais mantêm uma distância, mas começam a se defender das agressões e impedir que ela seguisse para outros corredores do supermercado.

Outros clientes testemunharam as ações agressivas da mulher com as autoridades. Até mordidas, socos e chutes ela diferiu contra os policiais antes de ser imobilizada. Um agente foi mordido no braço enquanto outro segurava a mulher pelas pernas para que ela fosse algemada.

Segundo a Polícia Militar de Goiás, a mulher foi encaminhada para a delegacia de Luziânia, região ao entorno do Distrito Federal. Ela será indiciada pelos crimes de infração do poder público , pelo fato de estar determinada a introduzir ou propagar uma doença contagiosa. A PM ainda compartilhou que a mulher já teria passagens pela polícia por invasão a domicílio e agressão.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários