Como um peixe da Amazônia foi encontrado morto na Florida?
Kaique Lima
Como um peixe da Amazônia foi encontrado morto na Florida?

Em um dos primeiros acontecimentos da série “Cidade invisível”, da Netflix, um boto-cor-de-rosa, animal de água doce da Amazônia, foi encontrado morto em uma praia do Rio de Janeiro. Agora, algo parecido aconteceu no estado norte-americano da  Florida , onde um peixe da mesma região foi achado em estado avançado de decomposição. 

Porém, diferente da ficção, o animal encontrado foi um pirarucu , um dos maiores peixes de água doce do mundo, e a razão é muito mais plausível do que a existência de criaturas do folclore brasileiro existirem de fato na vida real.

As condições das águas quentes do estado mais ao sul dos  Estados Unidos  são propícias para a sobrevivência do gigante amazônico. Porém, eles precisam de condições específicas para conseguirem se reproduzir que só são encontradas em locais próximos à nossa floresta tropical. 

Um peixe que cresceu demais

Por conta disso e porque apenas um indivíduo foi encontrado na Florida, acredita-se que o animal era apenas um pet exótico de algum morador local. Porém, em um dado momento, acabou ficando grande demais para um aquário e foi solto em um lago. 

Os restos do peixe foram encontrados no Parque Jaycee, em Cabo Coral, às margens do rio Caloosahatchee, no Oeste do estado. O animal, que tem escamas esverdeadas a cauda vermelha, estava com uma coloração branca.

Os pirarucus são peixes muito valorizados, tanto para os praticantes da pesca esportiva, por conta de seu tamanho avantajado, quanto por sua carne, que pode ser armazenada sem refrigeração após ser salgada. Em seu estado selvagem, a espécie se encontra ameaçada de extinção.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários