Flordelis e o marido, pastor Anderson do Carmo.
Reprodução
Flordelis e o marido, pastor Anderson do Carmo.

Na última quarta-feira (16),  Flordelis postou uma homenagem ao marido Anderson do Carmo nas redes sociais. A data marca um ano e três meses da morte dele. A deputada é acusada de ser a mandante do assassinato do pastor .

“Meu Nem, sinto tantas saudades, não consigo me acostumar a viver sem você”, declarou Flordelis . “Meu Nem, meu amor, você segue vivo dentro de mim. (...)  Você foi embora, meu amor, e levou também uma parte de mim”.

De acordo com o inquérito,  Anderson do Carmo foi assassinado por questões financeiras e de poder dentro da família.

Flordelis é apontada como a mandante do crime, mas, por ter imunidade parlamentar, a deputada não foi presa. Ela responde a processo por quebra de decoro parlamentar , que pode levar à cassação do mandato.


    Veja Também

      Mostrar mais