jovem executado
Rede Globo / reprodução
Câmeras de segurança flagraram a morte de Rogério no Sacomã

Um dia após a morte do jovem Rogério Ferreira da Silva Júnior, de 19 anos, durante uma abordagem policial no próprio aniversário , amigos e parentes de realizaram um protesto pedindo justiça para o caso no bairro do Sacomã, Zona Sul de São Paulo, na noite desta segunda-feira (10).

Rogério foi morto na tarde do domingo (9), Dia dos Pais e aniversário dele, enquanto andava de moto na rua. Imagens de câmeras de segurança mostram o momento no qual o jovem é abordado por dois policiais, também em moto, e cai repentinamente.

Ele foi atingido por um tiro e, segundo testemunhas, não pôde ser socorrido enquanto agonizava no chão. A versão dos policiais era de que ele estava sendo perseguido e teria “feito um movimento” simulando a retirada de uma arma de fogo. Não há registro de armas com o rapaz no boletim de ocorrência.

O protesto desta segunda foi realizado nas imediações do Parque Bristol, também no Sacomã. A nota inicial da SSP se limitou a informar que “Todas as circunstâncias relacionadas aos fatos estão sendo apuradas pela Polícia Militar, por meio de IPM, e pelo DHPP, onde o caso está sendo registrado. A Corregedoria da PM também foi acionada.”.

    Veja Também

      Mostrar mais