Bruno Covas%2C prefeito de São Paulo
Governo do Estado de São Paulo
Bruno Covas, prefeito de São Paulo

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), disse em entrevista nesta quinta-feira (30) em entrevista à CNN Brasil que os dados da Prefeitura evidenciariam a  desigualdade na cidade em meio à pandemia da Covid-19 , doença causada pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2).

"O coronavírus jogou luz sobre a desigualdade na cidade de São Paulo. É três vezes maior a incidência na classe D do que na classe A", afirmou o prefeito tucano .

Covas também destacou a diferença de como a doença atinge diferentes etnias e não somente as classes econômicas. "A população negra e parda tem 60% mais chance de pegar o vírus na cidade de São Paulo do que a população branca". disse.

O último inquérito sorológico realizado pela Prefeitura de São Paulo, divulgado nesta semana, revela que 11,1% dos moradores da capital contraíram o novo coronavírus. Esse percentual corresponde a mais de 1,3 milhão de pessoas em números absolutos.

De acordo com a pesquisa, 13,4% dos idosos da cidade foram contaminados. A prefeitura considera esse dado preocupante, já que na última edição do inquérito essa porcentagem era de 5%.

"Solicitei inclusive ao secretário Edson Aparecido que prepare um grupo de ações voltadas mais uma vez à população idosa, porque foi muito preocupante essa subida de pessoas que já estão contaminadas e imunizadas na cidade de São Paulo", afirmou o prefeito, sem revelar no que consistem essas ações.

    Veja Também

      Mostrar mais