João Doria anunciou que todos os presídios de São Paulo já contam com equipamentos de teleaudiência
Governo do Estado de São Paulo
João Doria anunciou que todos os presídios de São Paulo já contam com equipamentos de teleaudiência

O governador  João Doria (PSDB) anunciou hoje que foi concluída a instalação do sistema de equipamentos de teleaudiência em 100% dos presídios do Estado, onde mais de 218 mil detentos cumprem pena.

O sistema reduz a necessidade de escoltas policiais e, segundo Doria, funcionará, a partir de semana que vem, como alternativa para a visita virtual aos detentos. A visita presencial está restrita nos presídios desde o dia 20 de março devido à pandemia do novo coronavírus.

"A teleaudiência reduziu em 64% as necesiddades das escoltas entre presídios e os fóruns na capital de SP, liberando com isso 22 mil policias militares, que faziam antes esse serviço de escolta, para o serviço de patrulhamento", disse o governador.

"[A teleaudiência] Vai permitir a utilização de visita virtual, vai possibilitar que 27 mil familiares possam entram em contato com seus parentes, cumprindo pena, de maneira segura e correta, segura do ponto de vista de saúde e do ponto de vista prisional", complementou.

Foi anunciado também hoje (22), pelo governo de São Paulo,  os modelos de câmeras que serão fixados nos uniformes da Polícia Militar a partir do dia 1º agosto, no projeto Olho Vivo.

De acordo com o Doria, "as câmeras serão fixadas nos uniformes e acionadas durante ocorrências e qualquer interação com o público". Ainda segundo o governador, "a utilização tem como objetivo inibir eventuais abusos, além de registrar qualquer desacato ou violência contra os policiais". Os aparelhos também serão úteis no registro de provas com valor jurídico. 

    Veja Também

      Mostrar mais