carro com pessoas
TV Amazônica
Câmeras de segurança flagraram agressão

Uma universitária de 22 anos identificada como Dayse Brilhante registrou um boletim de ocorrência na cidade de Manaus após ser xingada e agredida por grupo que fazia uma festa enquanto ela passeava com um cachorro na rua do condomínio onde ela mora na última quinta-feira (25).

A garota relatou que andava na rua quando ouviu injúrias racistas de um grupo de vizinhos com o qual nunca conversou. Eles realizavam uma festa e teriam dito que “essa negra” não deveria estar no local, filmando a vítima. “Quando eu questionei a ela o porquê da filmagem ela não me respondeu, ela só começou a me insultar”, afirmou Dayse em entrevista ao jornal JAM2.


Câmeras de segurança do condomínio no qual a vítima mora mostraram ela agredida pelas costas por uma mulher e, em seguida, por outra mulher. A garota corre até a portaria, onde, longe das câmeras, narra ter sido pressionada contra um carro e ter o celular quebrado. A mãe dela correu para socorrer a filha e também foi agredida.

"Eu fui perguntar 'por que você fez isso com a minha filha?' e ele veio, continuou 'essa negra, tem que apanhar, tem que morrer, vou matar ela'", afirmou Letícia Brilhante, mãe da vítima.

Os agressores, que não se pronunciaram publicamente, também registraram um boletim de ocorrência contra a mulher.

    Veja Também

      Mostrar mais