Bolsonaro
Reprodução/Youtube
Bolsonaro foi aconselhado por Temer a demitir Weintraub

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) procurou o ex-presidente Michel Temer (MDB) para pedir conselhos de como frear a crise política atual. Segundo o colunista Tales Farias, do UOL, o emedebista teria aconselhado o presidente a demitir o ex-ministro da educação Abraham Weintraub e evitar falar polêmicas.

Bolsonaro teria pedido para interlocutores fazerem a aproximação com o ex-presidente. Eles teria se falado por telefone três vezes nos últimos dias.
"Gostaria que desse umas ideias para diminuir as zonas de atrito da atual crise política e jurídica que o meu governo vem enfrentando", falou Bolsonaro a Temer, segundo a coluna.

Temer aconselhou Bolsonaro a tentar acabar com os atritos do Executivo com o Legislativo e Judiciário. Para isso, o ex-presidente foi enfático: demitir Abraham Weintraub, até então Ministro da Educação, e que acumulou atritos com o Judiciário. 

A aproximação de Bolsonaro com o centrão foi elogiada por Temer. Para o ex-presidente, todo mandatário precisa de maioria no Congresso, mas ressaltou que as discordâncias com Rodrigo Maia, presidente da Câmara dos Deputados, deve acabar. 

Temer disse que as declarações polêmicas na porta do Palácio da Alvorada, para grupos de militantes bolsonaristas, acompanhadas pela imprensa e que se tornaram um hábito no governo´, também alimentam a crise. O ex-presidente sugeriu que Bolsonaro evite entrevistas assim.

    Veja Também

      Mostrar mais