Ainda no lado direito da Esplanada na manifestação a favor de Bolsonaro%2C há cartazes que pedem intervenção militar
Foto: George Marques/Twitter
Ainda no lado direito da Esplanada na manifestação a favor de Bolsonaro, há cartazes que pedem intervenção militar

Separados por cerca de 700 metros, manifestantes a favor e contra o governo estão reunidos na manhã deste domingo na Esplanada dos Ministérios, em Brasília. Para evitar confrontos, a Polícia Militar estabeleceu trajetos distintos para os dois grupos.

Os defensores de Jair Bolsonaro estão concentrados no Museu da República e seguirão até o Ministério da Saúde. Já os opositores estão reunidos no outro lado da Esplanada, nas proximidades do Teatro Nacional. Este grupo vai andar até o Ministério da Justiça.

No lado dos apoiadores de Bolsonaro, há um carro de som, com um crucifixo é uma faixa com a frase “O povo Brasileiro apoia Bolsonaro”. Cartazes com os dizeres “O Supremo é o povo” foram distribuídos para os manifestantes.

Por volta das 11h, o carro de som tocava uma música gospel. A maioria dos manifestantes usa máscaras e camisas da seleção brasileira. Uma apoiadora está distribuindo folhetos com o endereço de um site que reúne assinaturas a favor do impeachment de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). Um orador, que se identificou como um padre, chamou o coronavírus de “vírus chinês” e defendeu uma “intervenção divina” nas instituições.

Manifestação em defesa da democracia e contra o racismo segue em clima pacífico na Esplanada
Foto: George Marques/Twitter
Manifestação em defesa da democracia e contra o racismo segue em clima pacífico na Esplanada

Já do lado oposto, a defesa é do impeachment do próprio presidente Jair Bolsonaro. Os manifestantes também carregam faixas contra o racismo e pedindo democracia.

Muitos participantes do ato vestem camisas de clubes de futebol e também usam máscaras. Pouco antes das 11h, ritmistas tocavam uma paródia de uma música cantada pela torcida do Corinthians nos estádios — nesta versão da manifestação, Bolsonaro é acusado de ser “miliciano”.

Policiais militares estão posicionados em diversos trechos da Esplanada e estão revistando bolsas e mochilas nos principais pontos de acesso. O trânsito está bloqueado para os carros.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários