Na última terça-feira (12), a polícia do Paraná prendeu, em Curitiba , um homem suspeito de ter ameaçado de morte pelas redes sociais o juiz Douglas de Melo Martins, do Maranhão , que determinou o lockdown  na capital, São Luís, e em outras cidades do estado.

Leia também: Ministério apura 39 casos de Covid-19 antes do primeiro registro

Polícia Militar
Agência Brasil
Polícia Militar

Leia também: Mortes por Covid-19 chegam a 1.134 em São Paulo

Segundo as autoridades, o homem de 29 anos vive há um ano em Curitiba , mas é natural da capital maranhense e possui parentes no estado. Em depoimento, ele disse que a família está inconformada com o lockdown , mas que, apesar de ter ameaçado o juiz de morte, fez em tom de "brincadeira".

Leia também: Covid-19: Rio terá 15 mil casos até 19 de maio, indica projeção da prefeitura

"Ele acha que a medida [ lockdown ] é radical demais, que está prejudicando o trabalho da família", relatou o delegado responsável pela prisão no Paraná, Rodrigo Brown. O suspeito irá responder por ameaça, injúria e coação no curso do processo. 

    Veja Também

      Mostrar mais