Ministro da Saúde Nelson Teich
José Dias/PR
Ministro da Saúde Nelson Teich

O ministro da Saúde, Nelson Teich , afirmou em entrevista coletiva nesta segunda-feira (27) que nenhuma "medida intempestiva" será tomada contra o isolamento social da população. A medida tem sido tomada pelos governos estaduais como a principal forma de combate à proliferação do novo coronavírus (Sars-CoV-2). "Não vai existir qualquer medida intempestiva em relação a isso", afirmou Teich.

Essa é a primeira coletiva sob o comando de Teich desde a demissão do então ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta. Junto a ele participaram o secretário de Vigilância em Saúde, Wanderson Oliveira, e o novo secretário-executivo da pasta, Eduardo Pazuello, que substituiu João Gabbardo.

Leia também: "Não acredito em colapso", diz superintendente do Hospital das Clínicas da USP

Durante sua fala, Teich disse que agora é "prioridade absoluta" do Ministério da Saúde garantir a infraestrutura necessária para que as pessoas sejam cuidadas e tratadas da Covid-19 .

Ao comentar os dados divulgados nesta segunda, o ministro ainda disse que pasta se preocupa com as possibilidades de erro das informações que recebe e que "uma das grandes dificuldades de interpretar qualquer informação é trabalhar a certeza que existe nela".

Ele reforçou que sempre se tenta olhar o que está por trás dos dados, o que está errado, se tem subnotificação ou notificação excedente.

Leia também: Covid-19: Mortes no Brasil chegam a 4,5 mil; casos confirmados são 66,5 mil

Ao exibir os gráficos da Covid-19 no Brasil, o secretário Wanderson Oliveira fez uma comparação com o aumento de casos em países como China, Alemanha, Espanha, Itália e Estados Unidos.

A observação dele foi a de que o País está em torno de 42 dias de evolução desde o centésimo caso enquanto os demais países tem tempo maior de circulação do vírus. Nesse cenário, o Brasil está com número de casos confirmados inferior ao das outras nações se forem consideradas as mesmas epidemiológicas.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários