Maria Eduarda
Reprodução/redes sociais
Maria Eduarda foi levada de parque em Duque de Caxias

Policiais da 60ª DP (Campos Elíseos) prenderam Ricardo Ferreira Rabello, de 43 anos, na noite desta quinta-feira (12), no bairro São Bento, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. Ele, que teve prisão temporária decretada pela Justiça, confessou o rapto e o estupro da menina Maria Eduarda, de 9 anos .

Leia também: Organizadores cancelam atos pró-governo Bolsonaro para evitar coronavírus

Ricardo foi flagrado por câmeras transportando a vítima na garupa de uma bicicleta. O  suspeito havia ameaçado de morte a garota para que ela não contasse o que havia acontecido. Ricardo é investigado em outro inquérito que apura o estupro de outra criança, em Itaguaí, também na Baixada.

Durante as investigações, os policiais encontraram 25 locais com câmeras de segurança e constataram que algumas delas registraram Ricardo transportando a menina. Os agentes conseguiram identificar o trajeto feito pelo agressor e conseguiram traçar a direção em que ele havia seguido.

O suspeito foi encontrado em sua casa. Na chegada das equipes, moradores de residências próximas se aglomeraram para tentar linchar Ricardo. Os policias conseguiram conter essas pessoas e levaram o suspeito para a 60ª DP. A bicicleta que ele usou no dia do crime, as roupas que vestia e um urso usado para atrair a vítima foram apreendidos.

A 60ª DP divulgou o o número de WhatsApp (21) 98596-7244 para que quem tenha denúncias a respeito de crimes envolvendo Ricardo seja feitas. O anonimato é garantido.

O crime

O crime ocorreu no último domingo. A menina brincava na Praça do Galo, Parque Fluminense, em Duque de Caxias , e, ao sair do pula-pula, foi atraída por Ricardo, que alegou ter em casa um urso de pelúcia. A mãe da vítima estava com a outra filha, um bebê, e uma amiga perto do local.

Leia também: Bolsonaro pede que não o visitem até sair resultado de teste do coronavírus

Por volta das 21h, Ricardo saiu da praça levando a criança . A mãe de Maaria Eduarda procurou a delegacia na madrugada de segunda-feira. O caso foi noticiado pela mídia e Ricardo, com medo, decidiu libertar a vítima. A criança foi encontrada perto da Rodovia Washington Luiz no início da tarde de segunda-feira.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários