atenção imagens fortes
Reprodução
ATENÇÃO IMAGENS GRÁFICAS AGRESSIVAS IMPACTANTES

A Polícia Militar foi acionada após um aluno invadir uma a Escola Estadual Orlando Tavares, na zona rural da cidade de Caraí, interior de Minas Gerais, e atirar em colegas. O estudante portava uma arma de fogo do modelo garrucha com dois canos e um facão.

Segundo o jornal Estado de Minas , o aluno responsável pelo ataque cursa o segundo ano do ensino médio, mas não foi à aula na manhã desta quinta-feira (7). Ele teria pulado o muro para entrar na instituição de ensino e tentado abrir a porta da sala que estudava, mas foi impedido por uma professora. Com a ajuda de outros alunos, ela forçou a porta contra o suspeito.

Leia também: Após 20 anos preso, atirador que matou três em cinema de shopping pode ser solto

O garoto, então, atirou pelo lado de fora e atingiu um colega de classe de 16 anos. Depois disso, ele saiu atirando pelo corredor. Junto ao menino ferido pela bala, outro estudante, ferido com um golpe de facão, foi socorrido. Os dois estão em estado estável.

Leia também: Quatro são indiciados por massacre da escola Raul Brasil em Suzano 

O aluno atirador tentou fugir pulando o muro, mas foi detido pela Polícia Militar junto a outro jovem que não teve envolvimento com o caso esclarecido pela polícia. O ataque aconteceu por volta das 8h.

Imagens da sala de aula após o ataque foram divulgadas nas redes sociais: 

sala de aula com sangue
Redes sociais / Reprodução
Imagens da sala de aula após aluno ser baleado foram divulgadas nas redes sociais


    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários