Tamanho do texto

Publicitário estava sentado ao lado da janela ouvindo música, quando levou o susto

Pé de pato arrow-options
Reprodução/Facebook
Publicitário Kim Maemo foi atingido dentro do ônibus na zona norte do Rio

Um passageiro da linha 457 (Abolição x Copacabana) foi surpreendido na manhã da última quarta-feira (24) no trajeto que sempre faz a caminho do trabalho. Ele foi atingido no rosto por um pé de pato arremessado para dentro do ônibus em que estava.

Leia também: Poderosos viram em ataques hackers "oportunidade de retrocesso", diz Moro

O publicitário Kim Maeno ,28, estava sentado ao lado da janela ouvindo música, quando o pé de pato voador entrou pela janela do coletivo e o acertou. Ele passava em frente à Policlínica Piquet Carneiro, da Uerj, na Tijuca, por volta das 10h.

A história viralizou na internet depois que Kim postou uma foto com o pé de pato em sua página no Facebook: "Acabaram de me acertar na cara com um pé de pato na janela do 457. MERMAO UM PÉ DE PATO", escreveu. Ele lamenta que tenha deixado o objeto no veículo. "Se soubesse da repercussão que o caso ganharia, teria guardado para pendurar o pé de pato na janela", brinca. O publicitário disse que decidiu tirar a foto porque pensou que ninguém acreditaria na sua história.

Kim Maeno conta que ficou sem reação na hora do ocorrido: "Não entendi o que aconteceu. Eu estava de óculos. A lente rachou, poderia ter me machucado. O ônibus estava lotado. A senhora do meu lado também não entendeu nada e ficou preocupada".

Diante do fato inusitado os passageiros começaram a especular o que havia acontecido. A mulher que estava ao lado de Kim, achou que a ação poderia ter partido de algum usuário de droga.

Leia também: Ministério Público de Contas da União investiga "farra das passagens" no Senado

Kim, no entanto, tem outra teoria. Ele acha que a intenção do autor era acordar um passageiro que estava dormindo na janela da frente, mas acabou perdendo o objeto na empreitada. "Eu tenho certeza que o pé de pato não foi lançado. Alguém deveria querer bater no vidro e o pé de pato entrou. Ninguém iria querer perder o acessório de marca. Pesquisei e custa uns R$ 300", conta.