Tamanho do texto

Universidade confirmou a suspeita, mas chamou de inverídica as notícias de que uma rma de fogo estivesse no campus; suspeito está desaparecido

Uningá
Divulgação/Uningá
Aluno é suspeito de entrar armado em universidade de Maringá


Um aluno de medicina é suspeito de ter entrado armado na Universidade Uningá, em Maringá, no noroeste do Paraná, na manhã desta quarta-feira (8). De acordo com a Polícia Militar, estudantes deixaram o local correndo temendo um tiroteio durante as aulas.

Leia também: Professora será indenizada por aluno que a processou por problemas acadêmicos

A universidade confirmou a suspeita, mas não garantiu que o aluno estivesse realmente armado . Outros estudantes delataram que o aluno estava transtornado e fazendo ameaças pelos corredores. Pelo WhatsApp, o suspeito enviou mensagens confusas em vários grupos, o que gerou alerta entre seus colegas.

WhatsApp
Reprodução
Suspeito de entrar armado em universidade deixou mensagens confusas em grupos de alunos


A Polícia Militar já identificou o suspeito , mas o mesmo ainda não foi encontrado dentro do campus. As aulas foram interrompidas por tempo indeterminado.

Leia também: Aluno de geografia é encontrado morto dentro de elevador em campus da USP

Em nota, a Uningá afirmou que apura as mensagens divulgadas nas redes sociais e garante que não há motivo para pânico, já que classifica como inverídica as notícias sobre presença de arma de fogo.

“Afirmamos serem absolutamente inverídicas as noticias sobre suposta ocorrência com arma de fogo no campus. De todo modo, estamos reforçando medidas para garantir a segurança de todos no campus da instituição”.

Leia também: Estudante atira e mata professor que pediu a sua expulsão de colégio de Goiás

Segundo a PM, outros estudantes disseram que viram o suspeito de estar armado na faculdade e, inclusive, identificaram o veículo do mesmo.