Tamanho do texto

Corpo do estudante estava embaixo de um armário e polícia investiga se a causa da morte tem relação com o móvel, que teria caído sobre a vítima

Poli da USP
divulgação/Usp
Estudante foi encontrado morto dentro de elevador da Poli-USP


Um estudante de 25 anos foi encontrado morto nesta terça-feira nas instalações da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP), no Butantã, zona oeste de São Paulo. Filipe Varea Leme frequentava o curso de Geografia e fazia parte da equipe de monitores da faculdade. O corpo do aluno foi encontrado com ferimentos na cabeça, dentro de um elevador destinado a pessoas com deficiência.

Leia também: Janaina Paschoal se livra de indenização por ofensas a professores da USP

Havia um armário em cima de Filipe, o que levou a Polícia Civil considerar na investigação recém-iniciada a possibilidade de o jovem estar carregando a estrutura antes de ela cair sobre ele. O caso foi registrado no 93º DP e é acompanhado pela reitoria da USP .

Em nota, a universidade lamentou a morte do estudante , destacou que "preza pela adoção das medidas de segurança necessárias para a rotina do trabalho dentro de suas dependências" e informou que "prestará todos os esclarecimentos necessários para a elucidação dos fatos junto às autoridades competentes".

Leia também: Professor da USP elogia ditadura e diz que LGBTs são aberração; alunos protestam

Segundo a USP , a família do aluno está sob atendimento do Escritório de Saúde Mental da instituição. O enterro de Filipe está marcado para as 15h desta quarta-feira no Cemitério da Lapa, na Vila Leopoldina.