Tamanho do texto

Papagaio estava em uma casa que funcionava como ponto de venda de drogas em Teresina (PI) e teria sido treinado para anunciar chegada da PM

papagaio apreendido pm
Divulgação/Polícia Militar Ambiental
Segundo policiais, papagaio teria sido treinado para avisar traficantes

A Polícia Militar do Piauí apreendeu um papagaio que estava dentro de uma casa que funcionaria como ponto de venda de drogas, em Teresina. Segundo o 17° Batalhão da Polícia Militar, a ave ainda avisou aos donos sobre a chegada dos policiais, gritando “Mamãe, polícia!”.

Leia também: PF prende traficante internacional de drogas durante Operação Aplique

O caso aconteceu nesta segunda-feira (22) na Vila Irmã Dulce, zona sul da cidade, enquanto a Polícia Militar faziam ronda na região. De acordo com os policiais, o papagaio era treinado e começou a gritar assim que os agentes se aproximaram da casa da dona do pássaro, conhecida como “Índia” e que foi presa duas vezes por tráfico de drogas.

Leia também: PF mira quadrilha que comandava tráfico de drogas no Aeroporto de Guarulhos

A mulher estaria doente e, por isso, quem estava despachando era seu marido, Edvan, de 30 anos, que foi preso após os policiais encontrarem porções de crack no imóvel. A filha dos traficantes , de 16 anos, também foi apreendida com porções de maconha escondida dentro de suas roupas íntimas.

Leia também: Traficante morre após explosão de fuzil: "Acidente de trabalho"

Ambos foram encaminhados para a Central de Flagrantes. O traficante segue preso e a adolescente foi liberada após assinar um Termo Circunstanciado de Ocorrência. Já o papagaio não foi fichado, porém foi levado ao Batalhão da Polícia Ambiental e, posteriormente, transferido para o Parque Zoobotânico de Teresina.