Tamanho do texto

Vídeo que viralizou nas redes sociais foi gravado dentro de escola estadual e mostra uma estudante do ensino médio sendo empurrada pelo policial

PM usa arma para empurrar estudante em protesto
Reprodução/Youtube
PM armado em protesto escolar de Guarulhos

Enquanto tentava conter um protesto de alunos, dentro de uma escola pública de Guarulhos, município localizado na Grande São Paulo, um policial militar usou o cano de sua arma para empurrar uma estudante do ensino médio. A cena foi gravada e o vídeo que mostra a atuação do policial vem sendo amplamente compartilhado nas redes sociais nesta sexta-feira (5). 

Leia também: Assalto a bancos faz reféns e acaba em tiroteio com onze mortes em Guararema, SP

Na gravação, é possível ver que uma grande quantidade de alunos participava de um protesto no pátio da Escola Estadual Frederico de Barros Brotero, na Vila Progresso, quando agentes da Polícia Militar intervieram. Nas imagens, fica claro o momento em que uma jovem tentou passar por uma área bloqueada pelos policiais de Guarulhos e acabou empurrada por um deles.

O Governador João Doria decidiu nesta sexta-feira, após assistir as imagens da ocorrência na Escola Estadual Professor Frederico Brotero, determinar ao Comando da Polícia Militar que afaste imediatamente do serviço operacional o policial que empurra uma das manifestantes com uma arma. A Corregedoria da PM está acompanhando o caso e a Secretaria da Educação colabora com as investigações.

O empurrão, que se repetiu por pelo menos duas vezes, foi feito com o auxílio do próprio cano da arma que o policial portava. Frente ao espisódio, a  Polícia Militar  disse que vai investigar a ação dos ​PMs, mas informou que a ocorrência foi encerrada sem que ninguém fosse levado para a delegacia.

Leia também: Bolsonaro celebra ação da polícia que culminou na morte de onze suspeitos em SP

De acordo com os estudantes do colégio, o protesto tinha como objetivo cobrar melhorias para a instituição de ensino e pedia pela destituição do atual diretor, acusado de negligenciar os pedidos da comunidade escolar. Segundo os alunos, a escola não recebe manutenção de infraestrutura adequada e fica, frequentemente, alagada.

Os estudantes organizaram protestos nos períodos da manhã, da tarde e da noite. Apenas por volta das 19h30, a direção da escola teria acionado a polícia para tentar controlar a situação. Os policiais chegaram armados e entraram no pátio do colégio, onde os alunos se aglomeravam.

Leia também: Rádio é assaltada durante transmissão ao vivo; veja vídeo

No momento em que a jovem foi empurrada pelo agente, várias pessoas gritaram e tentaram intervir. Por sua vez, o policial manteve a arma apontada para os jovens. A Secretaria de Educação do Estado afirmou que vai apurar o episódio em Guarulhos .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.