undefined
Divulgação/Segurança RJ
Polícia e forças federais fazem operação no Morro dos Macacos, no Rio de Janeiro, contra traficantes nesta sexta (6)

Moradores de Vila Isabel, na zona Norte do Rio de Janeiro, relatam que houve tiroteio intenso durante a madrugada deste sábado (7), na comunidade do Morro dos Macacos. Nas redes sociais, é possível encontrar vídeos em que se ouvem tiros no local por volta das 5h da manhã.




Leia também: Datafolha: 72% dos cariocas têm vontade de sair da cidade por causa de violência

A princípio, o tiroteio havia sido apontado como possível confronto entre traficantes, pois alguns do Morro do São Carlos teriam invadido o Morro dos Macacos . Contudo, segundo informações da TV Globo , a Unidade da Polícia Pacificadora (UPP) do São Carlos negou a informação, afirmando que há um cerco na comunidade e que, por isso, os traficantes não teriam como sair de lá.




Ontem, a Polícia Militar e Civil – com apoio das Forças Armadas, Força Nacional de Segurança e a Polícia Federal – realizaram uma operação no Morro dos Macacos, em Vila Isabel.   O objetivo era cumprir 31 mandados de prisão contra traficantes, além de mandados de busca e apreensão. Logo no início da operação, por volta das 5h30, já foram registrados tiros.

Relação entre o Morro e a Rocinha

Essa operação, que é mais uma ação do Plano Nacional de Segurança no Rio, tem ligação com o conflito pelo comando do tráfico de drogas na Favela da Rocinha.

Leia também: Forças Armadas montam estrutura para prender criminosos em mata da Rocinha

De acordo com a Polícia Civil, foi do Morro dos Macacos que saiu parte dos criminosos que tentaram invadir a Rocinha, no último dia 17 de setembro. Esses criminosos seriam aliados do antigo chefe do tráfico na Rocinha, Antônio Francisco Bonfim Lopes, conhecido sob o apelido de Nem. Ele está em disputa pelo comando das bocas de fumo da comunidade com o atual líder do tráfico, Rogério Avelino, o Rogério 157, que mudou de facção criminosa recentemente.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários