Registro do estrago provocado pelas chuvas em Porto Seguro, em dezembro de 2021
Isac Nóbrega/ PR
Registro do estrago provocado pelas chuvas em Porto Seguro, em dezembro de 2021

Por causa das fortes chuvas que atingem todo o estado da Bahia, o governador Rui Costa determina a instalação de uma base de apoio em Ilhéus (BA) para auxiliar nas ações em ao menos 19 cidades da região que sofrem com os temporais. Em todo o estado, já são 66 municípios em situação de emergência.

Até o momento, 17 mortes já foram registradas por causa das fortes chuvas no estado, que começaram em novembro. Entre as regiões do estado baiano que mais foram afetadas estão as cidades do sul e do sudoeste, entre as quais Itororó (com 200 desabrigados) e Guaratiga (600). Além disso, já foram registradas 25 pontes denificadas, deixando várias famílas isoladas.

Conforme levantamento da Proteção e Defesa Civil (Sudec), 3.788 pessoas ficaram desabrigadas e precisaram de apoio das prefeituras e 10.955 ficaram desalojadas. Até mesmo em Salvador , capital da Bahia, a situação é complicada, já que chegou a chover cinco vezes mais do que o esperado para o mês de dezembro.

O governador Rui Costa também se reuniu com prefeitos , Bombeiros e Defesa Civil e secretários estaduais para estabelecer o que será feito para recuperar serviços essenciais. Além disso, ele mantém contato com outros governadores que ofereceram ajuda, entre os quais dos estados do Maranhão, Espírito Santo e Minas Gerais.

Os temporais na Bahia voltaram com força desde a última quinta-feira (23). De acordo com a Superintendência de Proteção e Defesa Civil do estado, os municípios mais afetados pelos temporais recentes são: Coaraci, Dário Meira, Firmino Alves, Floresta Azul, Guaratinga, Ibicuí, Iguaí, Itabuna, Itajuípe, Itambé, Itapitanga, Itororó e Pau Brasil, com vários trechos de estradas interditados pela Polícia Rodoviária.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários