Sede do hospital Mater Dei Santo Agostinho
Reprodução
Sede do hospital Mater Dei Santo Agostinho

Um homem de 43 anos, com licença para praticar tiro esportivo, atingiu uma médica acidentalmente no  Hospital Mater Dei Unidade Santo Agostinho, em Belo Horizonte, por volta das 7h de hoje. As informações são do UOL.

De acordo com a Polícia Militar, a arma estava na cintura do homem, e disparou acidentalmente em direção ao chão. Os estilhaços atingiram o tornozelo da profissional de saúde. Ao analisar as câmeras de segurança, os agentes notaram que o tiro acidental aconteceu quando ele levou a mão à cintura.

O homem então saiu do local e não prestou apoio à médica. Após 40 minutos, ele retornou e afirmou que saiu para estacionar um carro. No veículo, a pistola de 9mm foi apreendida, além de dois carregadores.

A documentação entregue para os policiais comprovou a licença. Ele portava também a guia de tráfego, que permite o trânsito entre a residência e o stand de tiro, mas não permite a posse fora desse itinerário.

A médica passa bem, e o homem recebeu voz de prisão por porte ilegal de arma e omissão de socorro.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários