Agência Brasil

Caixa passa a abrir com uma hora de antecedência em 1.619 agências, exclusivamente para os atendimentos de clientes de grupo de risco
-
Caixa passa a abrir com uma hora de antecedência em 1.619 agências, exclusivamente para os atendimentos de clientes de grupo de risco

A partir desta terça-feira (24), as agências da Caixa Econômica passam a funcionar em horário diferenciado, das 10h às 14h , e restrito apenas aos casos que não podem ser tratados pelo atendimento telefônico ou pelos aplicativos do banco para celular e demais serviços digitais.

Segundo a Caixa, a medida reforça as ações para melhorar a segurança de todos os clientes, colaboradores e parceiros da Caixa no contexto da pandemia de covid-19.

Leia também:  Presos paulistas vão fabricar máscaras de proteção

O banco manterá a abertura antecipada em uma hora de 1.619 agências, exclusivamente para os atendimentos de clientes de grupo de risco . A lista dessas unidades pode ser consultada aqui .

Você viu?

WhatsApp e Agência Digital
A Caixa orienta seus clientes a acessarem os serviços do banco por meio dos canais digitais e de telesserviço .

Os clientes da Caixa podem ser atendidos para serviços selecionados pelo WhatsApp Caixa , através do número 0800-726-8068.

Utilizando o CPF, o cliente poderá contatar a Caixa para atendimento dos serviços do pacote de medidas disponibilizadas pelo banco, como o pedido de renegociação de dívidas, renovação de contratos de penhor e solicitação de pausa de até 60 dias nas parcelas de empréstimos comerciais e habitacionais.

A partir de quinta-feira (26), estará disponível também via WhatsApp o atendimento da Agência Digital para todos os clientes correntistas e poupadores da Caixa. Através da digitação da agência e número da conta o cliente será direcionado para atendimento na sua agência de forma remota.

Veja:  Crivella regulamenta hoteis de idosos durante a pandemia do coronavirus no Rio

O banco ampliou , ainda, o rol de serviços disponíveis em aplicativos para acesso a informações e transações de cartões de crédito, FGTS, benefícios sociais e habitação.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários