Dilma ironiza boato de que estava internada após tentativa de suicídio

Por Luciana Lima - iG Brasília | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Boato se espalhou via redes sociais e apontava que presidente teria tentado suicídio ao ingerir ansiolíticos e tranquilizantes

A presidente Dilma Rousseff desmentiu boatos de que estaria internada depois de tentar suicídio. O boato foi espalhado por mensagens via WhatsApp. As mensagens indicavam que a presidente estaria internada após fazer uso de medicamentos com o objetivo de se matar.

Datafolha: Aécio Neves venceria Lula se eleição presidencial ocorresse hoje

Dilma durante cerimônia de Lançamento do Plano Safra da Agricultura Familiar no Palácio do Planalto
Roberto Stuckert Filho / PR
Dilma durante cerimônia de Lançamento do Plano Safra da Agricultura Familiar no Palácio do Planalto

"Eu só vim falar com vocês hoje porque disseram, há pouco, que correu um boato de que eu estava internada. Vocês acham que eu estava?", questionou Dilma, exibindo a silhueta mais magra diante dos jornalistas, após a cerimônia de lançamento do Plano Safra para a agricultura familiar, que destinará R$ 28,9 bilhões em crédito para pequenos agricultores. Logo depois, Dilma mandou um beijinho e saiu sem dar entrevista.

Dia 20: Empreiteiros da Lava Jato chamavam Lula de "brahma"

Antes da cerimônia, Dilma se dedicou a andar de bicicleta pelas ruas próximas ao Palácio da Alvorada, rotina que ela tem mantido, apesar do frio de Brasília. A presidente tem adotado os passeios diários de bicicleta para manter o corpo mais magro após a dieta que a fez perder 15 quilos, após a posse.

Leia tudo sobre: dilma rousseffdilmasuicidiopalacio da alvoradabrasilia

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas