Polícia local ainda não identificou quem é o autor do ataque; colégio fica na cidade de Aztec, 330 quilômetros a noroeste de Santa Fe, capital do estado

Colégio onde o atirador fez o ataque fica na cidade de Aztec, 330 quilômetros a noroeste de Santa Fe, capital do estado
Reprodução/ Google Earth
Colégio onde o atirador fez o ataque fica na cidade de Aztec, 330 quilômetros a noroeste de Santa Fe, capital do estado

Dois estudantes morreram após um tiroteio, nesta quinta-feira (7), em uma escola de ensino médio do Novo México, nos Estados Unidos. De acordo com o jornal americano "CNN", a polícia local confirmou que o atirador também morreu após o ataque. O colégio fica na cidade de Aztec, 330 quilômetros a noroeste de Santa Fe, capital do estado. 

Leia também: Decisão de Trump sobre Jerusalém eleva violência na região e gera ameaça aos EUA

Mais cedo, em entrevista ao jonal americano “FoxNews”, o xerife do condado de San Juan, Ken Christesen, já havia informado que ao menos três pessoas tinham morrido, entre elas estaria o atirador . A polícia americana ainda investiga quem é o autor dos disparos e o que pode ter motivado o ataque. 

Em uma mensagem no Facebook, o Departamento de Polícia do condado de San Juan pediu para a população evitar a área. O local foi totalmente isolado pelas forças de segurança, que evacuaram os alunos para perto de uma igreja. Segundo a emissora "KRWE News 13", com sede no Novo México.

"É trágico quando nossos filhos são prejudicados de forma violenta, especialmente nos ambiente escolar. Expressamos nossas condolências às famílias que foram prejudicadas", disse Russell Begaye, presidente da Nação Navajo, em um comunicado de imprensa.

Leia também: Presos homens que planejaram atentado terrorista para matar premiê britânica

Tiroteio no Texas

Em novembro, mais de 20 pessoas morreram após um homem disparar contra fiéis que participavam de missa em uma igreja batista em Sutherland Springs, no Texas, região leste dos Estados Unidos.

Segundo as autoridades, os disparos foram realizados por apenas um homem, que foi identificado pela polícia local como Devin Patrick Kelley, um jovem branco de 26 anos, que já fez parte da Força Aérea norte-americana. 

Leia também: Argentina reconhece oficialmente morte dos 44 tripulantes de submarino desaparecido

Sutherland Springs é uma pequena comunidade localizada a cerca de 50 quilômetros de San Antonio. O ataque ocorreu durante a celebração de uma missa na Primeira Igreja Batista, de orientação evangélica, por volta das 11h30 no horário local (15h30 no horário de Brasília). O atirador morreu durante uma perseguição policial.

* Com informações da Ansa

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.