Exército da Nigéria mata 20 membros do grupo terrorista Boko Haram

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Porta-voz das forças militares disse que militantes foram mortos quando atacavam quartel em Monguno, ao norte do país. Grupo radical é conhecido por impor a lei islâmica

Forças de segurança da Nigéria mataram ao menos 20 militantes do grupo terrorista islâmico Boko Haram em um tiroreito, no norte do país, neste domingo. As informações são do porta-voz do exército nigeriano. 

Leia também: Família francesa é sequestrada em Camarões

O tenente-coronel Sagir Musa, porta-voz das forças militares conjuntas e policiais no nordeste do estado de Borno, disse que os militantes foram mortos quando tentaram atacar o quartel Monguno. Não houve comentários imediatos de Boko Haram.

Boko Haram - que significa "a educação do ocidente é um sacrilégio" - lançou uma campanha de guerrilha, bombardeios e tiros no norte predominantemente muçulmano da Nigéria. O grupo é responsável por ao menos 792 mortes somente no ano passado. É conhecido por ter ligações com a Al-Qaeda no Magreb islâmico.

*com Reuters e AP

Leia tudo sobre: nigériaboko haram

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas