MIT e Harvard se associam em cursos gratuitos pela internet

Tidas como rivais, as universidades vizinhas que estão sempre entre as mais prestigiadas do mundo se uniram em programa online

Reuters |

A universidade Harvard e o Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), ambas instituições acadêmicas de peso e frequentemente rivais, estão se dando as mãos em uma nova parceria para oferecer cursos online gratuitos.

As duas escolas, situadas uma perto da outra em Cambridge, no Estado norte-americano de Massachusetts, estão se associando em uma iniciativa chamada EDX apenas cinco meses depois de o MIT apresentar o MITx, seu sistema de ensino a distância que permite que os estudantes obtenham certificados finalizando trabalhos do curso a distância.

Tanto Harvard como o MIT reservaram 30 milhões de dólares para o projeto, que será supervisionado por um grupo sem fins lucrativos sediado em Cambridge. Anant Agarwal, que liderou o desenvolvimento do MITx e dirigiu o Laboratório de Inteligência Artificial e Ciência da Computação do MIT, será o primeiro presidente do EDX.

O grupo planeja oferecer seus primeiros cursos no outono do Hemisfério Norte (primavera no Brasil) e espera que outras universidades entrem na parceria.

Fechando os olhos à antiga rivalidade das escolas na corrida por avanços acadêmicos e cortejando professores e estudantes, a presidente do MIT, Susan Hockfield, disse que eles também trabalham em conjunto. "Um dos segredos mais bem guardados é a profunda riqueza da colaboração entre Harvard e o MIT", disse ela em uma entrevista coletiva, do lado da presidente de Harvard, Drew Faust.

Histórico dos cursos online

A aprendizagem online tornou-se um tema polêmico da educação em várias escolas, incluindo no MIT, onde são oferecidos centenas de cursos online nos quais os estudantes trabalham com o material seguindo o próprio ritmo , mas não são avaliados. Agora, a tendência é oferecer aulas online nas quais os estudantes podem obter os certificados caso mostrem que dominam o assunto.

O MIT informou que 120 mil pessoas se inscreveram para o primeiro curso do tipo - Introdução aos Circuitos e à Eletrônica - aberto pelo MITx no começo deste ano. Na metade do curso, cerca de 20 mil ainda acompanhavam o curso ativamente.

Leia também: Professor não pode concorrer com a internet

    Leia tudo sobre: mitharvardcursos onlineeducação a distância

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG