Bolsonaro rebateu declaração de Moraes sobre cassação de políticos que compartilharem fake news
Fabio Rodrigues-Pozzebom/ Agência Brasil - 25/05/2022
Bolsonaro rebateu declaração de Moraes sobre cassação de políticos que compartilharem fake news


O presidente Jair Bolsonaro (PL) rebateu, nesta sexta-feira (3), a declaração do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, que afirmou que vai cassar o registro de políticos que compartilharem notícias falsas .

Em uma entrevista realizada em Foz do Iguaçu, onde se reuniu com o presidente paraguaio Mario Abdo Benítez, o chefe executivo brasileiro colocou em dúvida a coragem de Moraes cassar o seu registro para as eleições de outubro deste ano.

"Vai cassar meu registro? Duvido que tenham coragem de cassar meu registro. Não estou desafiando ninguém. Duvido de que tenha coragem de cassar. Eu tenho desconfiança ainda. Por que não?”, enfatizou Bolsonaro.

A declaração do ministro do STF foi feita na última quarta-feira (1), no evento "Sessão Informativa para Embaixadas: o sistema eleitoral brasileiro e as Eleições de 2022", voltado a diplomatas estrangeiros.

Na ocasião, Moraes afirmou que a Justiça vai estar preparada para conter e combater as "milícias digitais". 

"Notícias fraudulentas divulgadas por redes sociais que influenciem o eleitor acarretarão a cassação do registro daquele que a vinculou", declarou o ministro.


Alexandre de Moraes destacou os desafios enfrentados com a propagação de notíciais e informações falsas nas redes sociais que, segundo ele, visam desestabilizar a Justiça Eleitoral, porém diz que o TSE responderá às ameaças à altura.

"Aqueles que se utilizarem desses instrumentos podem ter o registro de suas candidaturas cassado, ou mesmo perder o mandato", destacou o Alexandre.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários