Bombeiros trabalham no resgate das vítimas em Pernambuco
Corpo de Bombeiros/Divulgação
Bombeiros trabalham no resgate das vítimas em Pernambuco

O Corpo de Bombeiros atualizou para 121 o número de mortos em decorrência das chuvas em Pernambuco. A última vítima foi localizada ontem à noite, na Vila dos Milagres, zona oeste de Recife, a capital pernambucana.

O estado contabiliza os estragos das chuvas desde o último dia 25 de maio. Segundo a Folha de Pernambuco, a corporação não deu mais detalhes sobre o corpo.

O número de pessoas desabrigadas em todo estado chega a 7.312, segundo informações da Defesa Civil. Eles estão distribuídos nos 66 abrigos presentes em 27 municípios.

As buscas devem seguir na comunidade de Areeiro, no Centro de Camaragibe, e na comunidade Bola de Ouro, em Jaboatão dos Guararapes.

Segundo um levantamento feito pelo iG junto ao Ministério do Desenvolvimento Regional, mais de 500 pessoas já morreram no país no primeiro semestre de 2022 em decorrência das chuvas.

Esse número já é maior que o ano de 2019 inteiro, que até então era considerado recorde, com 297 mortes.

Nas contas a Confederação Nacional dos Municípos, as cidades do Nordeste afetadas pelo temporal já acumulam mais de R$ 3,1 bilhões em prejuízos.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários