Bolsonaro em Uberaba
Reprodução 30/04/2022
Bolsonaro em Uberaba

presidente Jair Bolsonaro (PL) convocou, neste sábado (30), aliados a participarem dos atos marcados para amanhã, domingo, 1º de maio. O presidente usou um evento oficial na manhã deste sábado para fazer a declaração e incitar as pessoas a participarem dos protestos contra o Supremo.

Em recado ao STF, Bolsonaro disse: "[Aqueles] que, porventura, irão às ruas amanhã, não para protestar, mas para dizer que o Brasil está no caminho certo. Que o Brasil quer que todos joguem dentro das quatro linhas da Constituição. E dizer que não abrimos mão da nossa liberdade."

E completou: "Amanhã não será dia de protestos. Será dia de união do nosso povo para um futuro cada vez melhor pra todos nós."

​Aliados do presidente defendem que ele não participe dos atos por temor de que ele faça discursos radicalizados que possam acentuar a crise entre os Poderes. Já integrantes do Judiciário temem que as manifestações possam reeditar os atos de 7 de Setembro do ano passado, em que manifestantes pediram o fechamento do Supremo e outros atos antidemocráticos.

Neste domingo (1), estão previstas mobilizações em pelo menos cinco capitais do país: Salvador, Curitiba, Rio de Janeiro, São Paulo e Brasília. Segundo organizadores, Bolsonaro ainda não definiu se participará do ato na capital federal, que deve ocorrer em frente ao Congresso.

Leia Também

Bolsonaro participou neste sábado da Expozebu, maior evento da pecuária no país. O evento teve tom eleitoral, com citações aos seus pré-candidatos nos estados, como Tarcísio de Freitas (Republicanos), que deve disputar o Governo de São Paulo.

Bolsonaro chegou à Uberaba, conhecida como capital do zebu, pouco depois das 9h. Após desembarcar, participou de uma motociata, mas na caçamba de uma camionete.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários