Doria se posiciona como alternativa entre Lula e Bolsonaro
Valter Campanato/Agência Brasil - 22/10/2019
Doria se posiciona como alternativa entre Lula e Bolsonaro

Em inserção partidária que começa nesta terça-feira, o pré-candidato a presidente do PSDB e ex-governador, João Doria, se apresenta como uma alternativa ao cenário de polarização entre o ex-presidente Lula e o presidente Jair Bolsonaro.

No comercial, Doria exibe panelaços contra a ex-presidente Dilma Rousseff e o presidente Bolsonaro e, em seguida, propõe "comida no prato, emprego e dinheiro no bolso". Para humanizar sua imagem e se aproximar do eleitorado, o marqueteiro Lula Guimarães, que assumiu a pré-campanha do paulista, trocou "Doria" por "João".

"Teve gente que votou em Bolsonaro para tirar o PT. Agora, tem gente que acha que o PT é a solução para tirar o Bolsonaro. Quando você escolhe um para tirar o outro, o resultado é sempre o mesmo. Com PSDB e João, você tem opção", diz a propaganda.

Leia Também

Doria aposta nas inserções para decolar nas pesquisas de intenção de voto, o que ainda não ocorreu. Ao mesmo tempo, o paulista também precisa reduzir sua rejeição para se viabilizar como nome dos partidos de centro. Para se cacifar, Doria deve apresentar os legados de seu governo na propaganda, a exemplo da vacina Coronavac, um projeto para a despoluição do Rio Pinheiros, além de dados mostrando que a economia paulista cresceu nos últimos anos acima da média nacional.

No próximo dia 18, partidos como PSDB, Cidadania, União Brasil e MDB devem lançar uma candidatura única. As negociações devem ocorrer nas próximas semanas. Na quinta-feira, dirigentes desses partidos devem discutir os critérios de escolha dos candidatos do grupo.

Na última pesquisa do instituto Datafolha, Doria aparece com 2% das intenções de voto.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários