Roberto Jefferson
Valter Campanato/ Agência Brasil
Roberto Jefferson

O ex-deputado federal Roberto Jefferson foi liberado para sair provisoriamente da prisão para realizar exames. A decisão foi do ministro do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes, que permitiu o atendimento médico no Hospital Samaritano Botafogo, no Rio de Janeiro.

"O preso deverá ser acompanhado por escolta e retornar ao estabelecimento prisional após a realização dos exames apontados como necessários, sendo permitido seu contato somente com a equipe médica e de enfermagem", determinou.

A defesa de Jefferson fez o pedido de liberação após o ex-deputado apresentar "sintomas de início de trombose". A autorização foi dada devido à necessidade de exames específicos.

Em vídeo publicado por Silas Malafaia, a mulher de Roberto Jefferson aparece pedindo atendimento médico especializado:

Por determinação do STF, o ex-deputado está detido desde agosto por suspeita de envolvimento com milícias digitais que atuam contra a democracia. O ministro Alexandre de Moraes negou um pedido de prisão domiciliar feito pela defesa de Jefferson em dezembro.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários