Cônsul do Gabão, André Fonseca vai ser candidato a deputado federal
Reprodução
Cônsul do Gabão, André Fonseca vai ser candidato a deputado federal

O advogado pernambucano e cônsul do Gabão, André Fonseca, será candidato a deputado federal nas eleições deste ano pelo partido Brasil 35. Fonseca foi convidado pelo partido a tentar uma vaga no Congresso Nacional e afirmou ao iG que deve aceitar o convite. 

"Considerando o atual quadro político do país, em especial do estado de Pernambuco, que está abandonado pelos políticos que o representam, não há outra opção se não aceitar esse convite e esse desafio", contou Fonseca.

E completou: "No momento, eu estou conversando com amigos, familiares e entidades da sociedade civil (...). Até o momento todos foram unânimes na questão de apoiar e aprovar a minha candidatura (...). É muito provável que eu seja candidato a deputado federal pelo estado de Pernambuco".

Entre as propostas apresentadas pelo cônsul está o "cumprimento da Constituição da República", isso porque ele acredita que o Supremo Tribunal Federal (STF) ultrapassa os limites de atuação e atrapalha o trabalho do Congresso Nacional.

Leia Também

Muito crítico do Supremo, André Fonseca afirma que vai limitar a atuação da Corte e separar novamente os poderes da República. "Nós vivemos hoje na verdade um sistema jurisdicionalista, porque quem comanda hoje é o STF, fazendo arbitrariedades".

O futuro candidato se apresenta como um defensor da pátria, família e direitos patrimoniais. "Por direito, por amor à pátria e à família: Por justiça JUSTA, um judiciário sério, um povo igual, livre e independente", diz uma das postagens na rede social Instagram.

Na última terça-feira (11), o consul participou do podcast CTT Cast,  onde falou sobre política, diplomacia e a pauta armamentista em Pernambuco e no Brasil. 

André Fonseca é cônsul honorário do Gabão desde 2014, além de conselheiro mundial do LIKUD SERBIA, maior partido político de direita de Israel. Ele também está como diretor da INISEG no Brasil, que é uma instituição voltada para a área de Segurança e defesa, segurança cibernética, segurança pública e privada, criminalidade e criminal, ciências políticas e relações internacionais.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários