O presidente afirmou que não lançou sua candidatura porque isso atrapalha as negociações em Brasília
O Antagonista
O presidente afirmou que não lançou sua candidatura porque isso atrapalha as negociações em Brasília

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta quinta-feira (6) que deve prosseguir com a candidatura à reeleição pois esse é um "caminho natural". Apesar disso, o mandatário afirmou que não lançou sua candidatura porque isso poderia atrapalhar as negociações em Brasília.

Entrevistado por uma rádio de Pernambuco, o presidente alegou que se anunciar sua candidatura, há cobranças sobre candidatos à vice-presidente e partidos não escolhidos ficariam "chateados".

Apesar das ressalvas a confirmar em definitivo sua esperada candidatura à reeleição, Bolsonaro usou a conversa para criticar seus possíveis rivais, como o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o seu ex-ministro da Justiça Sergio Moro.

Para o presidente, Sérgio Moro usou seu tempo como ministro para alavancar uma futura candidatura à Presidência e "enganou o quanto pôde" sobre suas intenções.

Bolsonaro disse ainda que a situação de questões como segurança pública melhoraram no país apenas depois da saída do ex-juiz do governo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários