Registro do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, no Senado
Jefferson Rudy/ Agência Senado
Registro do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, no Senado

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, estimou que o funcionamento do ConectSUS , banco de dados que reúne informações como comprovantes de vacinação de todos os cidadãos do país, deve ser restabelecido até amanhã. A plataforma, desenvolvida pelo Sistema Único de Saúde (SUS) foi afetada após o Ministério da Saúde sofrer um ataque harcker na última sexta-feira.

"Acredito que até terça-feira, né? Pelo menos essa é a expectativa nossa — respondeu Queiroga quando questionado sobre quando o aplicativo irá voltar a funcionar. A declaração foi dada à TV Globo no último domingo durante o Congresso Brasileiro de Urologia, em Brasília."

Leia Também

Leia Também

Além do ConeceteSUS, o Painel Coronavírus e, um portl do governo para divulgar dados e informações da Covid-19, o DataSUS, o departamento de informática do SUS, também foram afetadas pelo ataque virtual. Queiroga reafirmou, contudo, que os dados armazenados nas plataformas estão conservados.

"Nós já sabemos que não houve perda de dados. Estamos trabalhando pra cada vez esse sistema ser mais seguro. Não existe segurança total, porque essa gente toda hora arruma uma forma de burlar as seguranças dos sistemas — declarou o ministro."

Leia Também

A Polícia Federal (PF) instaurou inquérito na última sexta-feira para investigar o ataque hacker ocorrido nos sistemas do Ministério da Saúde. Segundo Queiroga, os responsáveis pelo acontecimento “são pessoas criminosas e que precisam ser responsabilizadas por isso”.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários