Rodrigo Maia afirma que Bolsonaro
Agência Brasil
Rodrigo Maia afirma que Bolsonaro "estourou a corda" e que "não há retorno"

O deputado federal Rodrigo Maia (sem partido), ex-presidente da Casa, alegou nesta quarta-feira (08) que os posicionamentos do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) proferidos durante os atos antidemocráticos causou um divisor de águas. Ao Uol News, o parlamentar afirmou que o mandatário "estourou a corda".

"É impressionante como ontem, depois das duas falas do presidente, esse clima avançou muito. O presidente estourou a corda e não há retorno em relação à posição dele contra as instituições", opinou Maia.

O político chamou Bolsonaro de "populista clássico" e o adjetivou de "Hugo Chavez da direita". "Em 2019 e 2020, falamos muito sobre esse assunto, tivemos apoio mas não o suficiente. Ontem acelerou muito, Bolsonaro deixou claro que democracia não é um tema de preocupação dele."

Maia destacou ainda a união de líderes partidários de centro e direita para tratar sobre um possível apoio ao impeachment do presidente. Com isso, Mourão assumiria o país.


"Mourão é mais distante da política, não sei se os excessos de Bolsonaro pesam mais do que a falta de relação de Mourão com Centrão", afirma o parlamentar.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários