Presidente Jair Bolsonaro (sem partido) internado
Reprodução / Twitter / @jairbolsonaro
Presidente Jair Bolsonaro (sem partido) internado

Na tarde desta quarta-feira (14), o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) agradeceu as orações e disse que está enfrentando "mais um desafio"  após o episódio da facada em 2018.  Bolsonaro foi internado no Hospital das Forças Armadas, em Brasília , na madrugada desta quarta após sentir dores abdominais e será transferido para São Paulo ainda hoje para fazer mais exames e avaliar a necessidade de uma cirurgia de emergência .

Nas publicações, o chefe do Executivo atribuiu a culpa da tentativa de assassinato a um "antigo filiado ao PSOL, braço esquerdo do PT", dizendo que foi um "atentado à democracia". 

"Mais um desafio, consequência da tentativa de assassinato promovida por antigo filiado ao PSOL, braço esquerdo do PT, para impedir a vitória de milhões de brasileiros que queriam mudanças para o Brasil. Um atentado cruel não só contra mim, mas contra a nossa democracia", escreveu o mandatário.

"Por Deus foi nos dada uma nova oportunidade. Uma oportunidade para enfim colocarmos o Brasil no caminho da prosperidade. E mesmo com todas as adversidades, inclusive uma pandemia que levou muito de nossos irmãos no Brasil e no mundo, continuamos seguindo por este caminho", continuou.




Você viu?






Hoje mais cedo, o médico-cirurgião Antônio Luiz Macedo, que operou Bolsonaro em 2018, foi chamado à capital para examinar o estado de saúde do presidente , que se queixa de um  soluço persistente nas últimas semanas

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários