Mesa diretora da CPI da Covid
Divulgação/Agência Senado/Jefferson Rudy
Mesa diretora da CPI da Covid

A direção da CPI da Covid decidiu antecipar o depoimento de Luiz Dominguetti, representante da Davati Medical Suply, que diz ter recebido pedido de propina do então diretor de Logística do Ministério da Saúde, Roberto Dias , para esta quinta-feira (1). As informações foram apuradas pela coluna da Ana Flor , no G1 .

Segundo a publicação, a cúpula acredita que o governo tenha interferido para enfraquecer o depoimento do dono da Precisa, Francisco Maximiniano, após ele conseguir um habeas corpus para ter o direito de ficar em silêncio na Comissão.

Dessa maneira, na noite desta quarta-feira (30), os senadores se reuniram e decidiram antecipar o depoimento de Dominguetti.

Nesta terça-feira (29), o empresário  Luiz Dominguetti denunciou à  Folha de S. Paulo que Dias teria pedido propina de US$ 1 por dose de vacina da Astrazeneca para fechar contrato com o Ministério da Saúde . No mesmo dia, os olhos da direção da CPI se voltaram para ele, com o desejo de convocá-lo à Comissão.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários