Presidente Jair Bolsonaro
Reprodução/TV Brasil
Presidente Jair Bolsonaro

Em pronunciamento feito nesta quinta-feira (10), o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), afirmou que pediu ao Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga para que fossem editadas as regras para desobrigar o uso de máscaras por aqueles que já estão vacinados contra covid-19 ou já foram infectados pelo coronavírus. 



Segundo Bolsonaro, a medida seria para remover o "símbolo" que a máscara representa e só aquele que estão infectados deveriam usá-las. O presidente ainda defendeu que apenas os contaminados deveriam permanecer em casa. "A quarentena é pra quem está infectado, não é para todo mundo", disse. 

No evento para divulgação de feitos do Ministério do Turismo, o presidente citou novamente o suposto relatório do Tribunal de Contas da União (TCU) que compravaria a supernotificação de óbitos por Covid-19 em 2020. De acordo com o presidente, ele tem o documento na íntegra em mãos e falará sobre ele em sua live semanal. 

 * Matéria em atualização

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários